Raças de gatos: conheça as 13 mais populares do mundo

Gato siamês, angorá, gigante… você sabe a diferença entre cada um deles? Ter esse tipo de informação na ponta da língua é fundamental, seja na hora de escolher o felino que fará parte da sua família ou comprar a ração e os brinquedos que atendam as reais necessidades do bichano.

Mas, relaxe! Você está no lugar certo para descobrir tudo sobre as raças de gato mais comuns nos lares de quem ama essas fofuras. Aqui no blog da Líder da Matilha, reunimos tudo o que você precisa saber para se tornar um tutor consciente e atencioso, do jeitinho que seu gatinho merece!

Continue a leitura e saiba mais sobre a origem das raças, os comportamentos mais comuns e as características físicas que conquistam nossos corações. Vamos lá?

Quais são as raças de gato mais comuns?

Falar em popularidade de raça de gato é algo bem relativo, ainda mais quando a própria definição de raça varia em cada lugar do mundo de acordo com os critérios escolhidos. A Associação Internacional de Gatos (TICA), por exemplo, reconhece 71 raças de gatos domésticos que existem por aí.

Contudo, organizações de outros países consideram aspectos como registro de pedigree ou preferem incluir algumas raças dentro de outras por apresentarem características muito parecidas.

Seja como for, é perceptível que existem raças que se destacam pela beleza excêntrica ou por serem mais comuns de encontrarmos nos lares dos apaixonados por felinos! Quer saber quais são eles? Conheça a nossa lista a seguir!

1) Sphynx: o gato sem pelo

Vamos começar pelo famoso gato sem pelo? Apesar de ser uma das raças de gato que mais faz sucesso na internet, os gatos Sphynx são mais raros do que pensamos! Por isso mesmo são tão fáceis de serem reconhecidos: olhos grandes, orelhas pontudas e sem bigodes.

Gato da raça Sphynx com um fundo de tijolinho branco

Sua origem vem das terras canadenses, tendo os seus primeiros registros em 1966. Apesar de ser chamada por nomes como “Pelado Canadense” ou “Gato Sem Pelo”, a raça Sphynx possui uma camada de pelo sim! Por serem muito fininhos e curtos, os pelos são percebidos apenas pelo toque.

Em termos de temperamento, a raça é considerada dócil, companheira e adora os momentos de brincadeira com seu tutor. Um detalhe importante a mencionar: o gato sem pelo tem metabolismo acelerado para se manter sempre aquecido. Portanto, ele se alimenta com mais frequência que as demais raças!

2) Gato Angorá: adoram um desafio

O gatinho que ama brincar com seu tutor! Basta entretê-lo com brinquedos que estimulam sua mente para dar conta de toda a perspicácia que esse felino tem. Essa raça de gato é ideal para uma família com crianças, já que eles gostam de interagir e brincar.

Vindo da Turquia, o gato angorá é uma raça doméstica que possui pelos longos de beleza estonteante, sendo possível encontrar nas cores branco, preto e laranja – ou uma mistura deles! A heterocromia também é muito comum de ocorrer no gato angorá, resultando em olhos de tonalidades diferentes, como um azul e ou esverdeado. E convenhamos, é um charme a parte, não é mesmo?

3) Siamês: o gato favorito dos brasileiros

O título pode gerar polêmica, mas tem dados bem relevantes que podem comprar a popularidade do gato siamês. O felino de olhos azuis ocupa 67% das casas brasileiras que declaram ter gato de raça. O levantamento foi realizado pela Comissão de Gatos de Companhia (COMAC) em 2020.

É fácil entender por que eles são os queridinhos. A sua pelagem já nos conquista no primeiro olhar. A raça é conhecida por ter o corpo com pelos claros que escurecem em direção às extremidades, como as orelhas, o rosto, as patas e o rabo.

Quando pensamos na socialização, é importante garantir que o gato siamês tenha contato com outros animais na infância. Assim, evita-se que ele seja muito ciumento com seus tutores. Além disso, o seu comportamento é um pouco instável. Há momentos em que fica quietinho e pacífico, mas outras vezes ele pode ficar agitado e querer brincar de uma hora para outra. Equilíbrio é tudo, não é mesmo?

4) Gato Persa: uma pelagem majestosa

Lembra do personagem Garfield? O gatinho com pelos longos, focinho achatado e gordinho? Pois bem, ele foi inspirado no gato persa! Famoso em exposições de felinos, essa raça é considerada de luxo, sendo um companheiro super tranquilo para crianças e outros animais de estimação.

Se você quer agradar um gato persa, saiba que essa raça de gato adora um chamego. É comum eles dormirem no colo de seus tutores após receberem uma sessão de carinho na cabeça. Fato curioso: eles podem chegar a marca de 5 quilos na balança! Agora faz sentido aquela barriguinha fofa do Garfield, não é mesmo?

Mas, atenção: não é porque eles amam comer que você deve oferecer qualquer tipo de alimentação. Na verdade, há alimentos que os gatos não podem comer de jeito nenhum, independente da raça. Vale a pena conferir para evitar sufocos!

5) Gato Himalaia: calmo e fácil de conviver

A origem do gato himalaia vem de um cruzamento planejado entre o siamês e o persa, na década de 1950. Como resultado, a raça possui olhos azuis marcantes e pelagem escurecida nas extremidades do corpo.

O gato himalaia é ótimo para quem deseja se tornar pai ou mãe de felino pela primeira vez. O temperamento desta raça de gato é pacífica e, por ser muito independente, consegue passar um bom tempo acompanhado apenas de seus brinquedos e potes de ração e água!

6) Maine Coon: o gato gigante

Por gigante, já podemos entender que o gato Maine Coon tem um porte que chama atenção! A raça de gato gigante pode pesar mais de 10 quilos com seus pelos e rabo compridos.

É válido dizer que aquele tamanho todo guarda muita energia. Por isso, o gato Maine Coon gosta muito de brincar, aprender truques e receber atenção de seu tutor. Ao contrário de muitos bichanos, o gato gigante é bem amigável na hora do banho pois não tem medo de água – pelo contrário, eles amam!

7) Gato Ragdoll: elegante e brincalhão

A postura que o gato Ragdoll tem é pra lá de impressionante. Com traços harmoniosos, olhos de um azul intenso e pelos longos por todo o corpo, os felinos Ragdoll adoram receber um chamego!

O peso desta raça de gato também é algo fora de série. Eles podem facilmente pesar 9 quilos. Quanto às cores da pelagem, é comum encontrarmos alguns bichanos com variação de cor bem similar ao do gato Siamês.

Pelo fato dos pelos do Ragdoll serem muito compridos, é normal ver o gato vomitando bolas de pelo com certa frequência. Ou seja, é preciso escová-lo com recorrência para que isso não aconteça!

8) Ashera: o gato mais caro do mundo

Mais uma raça que foi criada pela intervenção dos humanos. O gato Ashera é a mistura genética de gatos domésticos com os selvagens. A aparência dele lembra muito a de um leopardo, mostrando que o porte grande e a pelagem diferenciada vem de diferentes ancestrais!

Por ser uma raça modificada geneticamente, os gatos Ashera são raros e chegam a custar 40 mil reais. Apesar do alto custo para compra, é uma ótima raça de gato para se ter por perto. Afinal, eles são pets dóceis e companheiros. Quanto à alimentação, os gatos desta raça precisam receber uma atenção especial para que a sua dieta ofereça todos os nutrientes necessários.

9) Gato American Shorthair: simpático e tranquilo

A longevidade do gato American Shorthair, ou Pelo Curto Americano, é admirável. Quando adotados ainda filhotes, é normal que eles façam parte da família por muito e muitos anos. O que os torna amigos ideais para conviver com crianças pequenas e cães pacíficos.

O pelo curto, os olhos arredondados e grandes são características marcantes desses felinos. Sua pelagem pode se apresentar em uma variedade de cores, como preta, branca, cinza e vermelha. Apesar de ter um jeito sereno, não se engane! Eles adoram correr e pular depois de uma boa soneca.

10) Gato Exótico: um felino super leal

A aparência do gato exótico lembra muito os bichanos da raça Persa. A cabeça plano, focinho achatado e os olhos afastados pode dar a impressão de uma feição nada simpática. Porém, o gato Exótico de pelo curto sabe muito bem como estar presente e oferecer muito amor e carinho!

Como o gato Exótico surgiu de experimentos genéticos, a raça acabou herdando uma forte tendência a desenvolver doenças com origem hereditária. O que nos leva a ficar sempre alerta ao comportamento dele para identificar possíveis sintomas que indiquem a doença renal policística ou urolitíase.

11) Gato SRD: sem raça definida

Aqui se encontram diversos tipos de gatos que apresentam características herdadas das mais diferentes raças. O que dificulta um pouco o trabalho para definir o padrão de comportamento e aparência do gato SRD, não é mesmo?

O gato doméstico de pelo curto é um exemplo da raça SRD. Por ter origem de cruzamentos entre várias raças, ele pode ter pelagem, tamanho e formato anatômico variados. O que não impede de afirmarmos o quão carinhosos e fofos eles são!

12) British Shorthair: o gato de pelo aveludado

A pelagem curtinha e densa do gato British Shorthair clama por um afago! A delicadeza das feições desse bichinho nos encanta – olhar intenso, cabeça arredondada, pelos acinzentados, pernas curtas e postura refinada.

Como se não bastasse toda essa beleza única, a raça de gato British Shorthair é bem amigável e calma. Ao contrário da fama que a maioria dos felinos tem, essa raça não é muito afim de escalar objetos para ficar em lugares mais altos.

13) Gato Bengal: o mais inteligente

Finalizando a nossa seleção de raças de gatos famosos e amados nos quatro cantos do mundo, temos o gato Bengal! A semelhança com seus ancestrais selvagens fica só na aparência, com linda pelagem de cores exóticas.

O temperamento desta raça é exatamente como aquele que esperamos de um gato doméstico: afetuoso, gosta de ficar no colo e ama brincadeiras que estimulam sua mente e corpo! Exatamente por isso que é tão importante tornar o ambiente em que eles ficam bem dinâmicos, com brinquedos e objetos para que eles possam interagir.

Depois dessa capacitação rápida em raças de gatos, ficou bem mais fácil reconhecer os felinos, não é mesmo? Que tal continuar aprendendo mais curiosidades sobre gatos por aqui? No blog da Líder da Matilha, você encontra diversos conteúdos sobre pets com dicas especiais para você cuidar do seu filho de quatro patas com todo o cuidado do mundo.

Aproveite!

Deixe um comentário