Gato vomitando: Entenda as causas com a Líder da Matilha!

Se você tem um ou mais gatinhos convivendo em sua casa, sabe que é normal encontrar um vômito de vez em quando, não é mesmo? Mas como saber se isso é simplesmente mais uma bola de pelos ou sinaliza problemas maiores? Entender porque o gato está vomitando é o primeiro passo para podermos ajudar nosso amiguinho!

Pensando nessa missão, a Líder da Matilha separou os principais motivos pelos quais os gatos vomitam. Continue a leitura e entenda o que quer dizer o vômito com espuma branca, regurgitação de comida e até mesmo com sangue. Vamos lá?

Afinal, por que os gatos vomitam?

Encontrar um ou outro vômito de gato pela casa – apesar de não ser nada agradável – é algo bastante comum. Se você é um tutor de primeira viagem, fique tranquilo. Essa é uma das consequências de realizar toda a higienização com a língua. Acontece que, vez ou outra percebemos que esse vômito não está normal.

Gato com expressão de dor vomitando em uma calçada

Confira na sequência os principais motivos pelos quais o seu gatinho vomita e já comece a observar para saber em qual quadro você se encaixa!

Bolas de pelo

Como já dissemos anteriormente, esse é um preço que o gato paga por ser muito limpinho. É comum que ele vomite bolas de pelo de tempos em tempos. A notícia desagradável é que o único jeito de ter certeza disso é analisando o vômito. Para isso, use uma espátula descartável e fique atento se encontra secreções estranhas.

Insuficiência renal

Você notou um tom de vermelho ou marrom no vômito? Isso pode ser o indício de uma insuficiência renal. Problemas como esse normalmente atingem felinos mais idosos e algumas raças de gatos específicas, como o gato persa. Vômitos assim lembram uma bola de café mais clarinha.

Fique de olho e não hesite em procurar um veterinário. Só o profissional da área pode fazer uma análise minuciosa de cada caso e bater o martelo. O vômito também pode ser um alerta sobre diversas outras doenças. Por isso, mantenha sempre as consultas regulares com seu veterinário para saber como anda a saúde do peludinho.

Ingestão de objetos

Os gatos são seres muitos exploradores e gostam de morder quase tudo, desde o sofá até aquele novo objeto que você muitas vezes sonhou em ter. Se ele acabar engolindo algum objeto que faça mal para o organismo, vai ficar tentando vomitá-lo até conseguir. Se atente a isso principalmente com gatos filhotes e, novamente, não hesite em levar o pet a um veterinário de confiança!

Regurgitação

A regurgitação de alimentos também é algo bastante comum e normalmente acontece logo após a refeição. Ela também pode indicar uma má formação no canal do esófago, o que é bem menos comum. Quando o gato vomita o que come dessa forma, quer dizer que o alimento nem chegou ao estômago. Novamente é preciso analisar de perto para ter certeza.

Lembrando que algumas plantas também podem ser regurgitadas pelo bichano, inclusive são tóxicas! Observe se o seu gato tem o costume de morder as plantas da casa e, se for muito comum, procure plantas que são indicadas para o felino. Sim, existe essa classe. Veja alguns nomes:

  • Catnip;
  • Tomilho;
  • Hortelã;
  • Salsinha;
  • Valeriana;
  • Camomila alemã.

Alergia a alimentos e remédios

Mais um motivo para os gatos colocarem a comida para fora logo depois de ingeri-la. Esse é um sinal comum de que o gato é alérgico a algum ingrediente da ração. Quando comprar uma marca nova para o seu peludinho, observe se foi ela a causadora do vômito. A mesma coisa também pode acontecer com medicamentos.

Gastrite

A gastrite é uma inflamação no revestimento do estômago muito comum nos seres humanos, mas que também pode atacar nossos amigos peludos. Se o seu gato está vomitando o dia todo, procure deixar o pote de ração sem nada durante o período. Se mesmo assim o vômito continuar, leve-o para uma consulta o quanto antes.

Fazendo isso, o veterinário poderá constatar se o felino está passando por um caso de intolerância ou infecção gastrointestinal. Assim que o quadro for confirmado, será possível começar um tratamento eficiente!

Alimentos impróprios

Sabe quando deixamos algum alimento em cima da pia e, quando piscamos, o gato já está preparado para avançar? Pois é, alguns desses alimentos não podem de jeito nenhum ser alcançados pelo felino. Desde carne crua e chocolate até aquele leite que insistimos em dar para o bichano.

Estresse

Isso mesmo, o estresse também pode ser um dos motivos pelos quais o gato começa a vomitar. Isso porque a mudança brusca na rotina ou em algum outro elemento da vida do pet podem fazer com que ele desenvolva doenças que levem ao vômito. O amor e carinho com seu pet é ainda mais importante nos momentos de mudança!

Parasitas também causam vômito?

Não poderíamos deixar de citar esse motivo para o vômito do gato, que inclusive é um dos mais fáceis de serem constatados. Tal fato se deve a alta quantidade de sintomas que o gato apresenta. O verme é parasita muito comum nos felinos e, se confirmado, deve ser combatido com urgência. Confira mais detalhes sobre os sintomas:

Diarreia e perda de peso

Diarreia e fezes mais escuras ou esverdeadas são um sinal claro de que alguma coisa não está certa. Tais sintomas também se apresentam no caso de parasitas e podem levar a perca de peso do animal. Outro motivo para o gato emagrecer é que o parasita acaba roubando os nutrientes e proteínas que ele ingere.

Alteração na pelagem e na gengiva

A pelagem do gato diz muito sobre sua saúde. Como vimos anteriormente, o bichinho pode sofrer com um deficit de nutrientes essenciais no organismo quando está com vermes. Isso reflete diretamente em sua pelagem, que acaba ficando mais bagunçada e fosca. A gengiva pálida também é um indício dessa perca. Procure seu veterinário rapidamente.

Abdômen inchado

Além do vômito e das alterações no organismo do felino, também podemos observar um inchaço na barriga do animal em caso de vermes. Quando for apalpar a região, faça com muito cuidado e verifique se ele está sentindo algum incômodo. Novamente ressaltamos a importância da ajuda profissional para o veredicto final.

O que significa a cor do vômito do gato?

A cor do vômito realizada pelo gato também pode ser observada pelo tutor para que esse entenda o que está acontecendo. As mais comuns são vermelho, amarelo, marrom e também um vômito com espuma branca. Abaixo você encontra mais explicações sobre cada uma dessas cores no vômito do gato, veja:

Vômito com sangue

O vômito na cor vermelha – quando não é causado por uma ração nesse tom – normalmente acompanha um pouco de sangue do animal. Casos assim são mais graves e exigem uma consulta médica o quanto antes. Alguns problemas incluem coagulação, tênias, ulcera, lombriga e até algum tipo de tumor.

Vômito com espuma branca

Ao contrário do que muitos pensam, nem sempre a espuma branca no vômito significa um risco para a vida do gato. Tal cor também pode ser acompanhada de uma simples bola de pelo. Infelizmente, essa cor também pode indicar um problema renal ou de gastrite. Procure seu veterinário para um diagnóstico completo.

Vômito amarelado

O vômito com cor amarelada normalmente indica a presença de bile, uma substância que atua na digestão. Apesar da conclusão simples, os motivos para esse acontecimento acabam não sendo muito específicos. Confira a lista e se atente para tomar as devidas providências:

  • Período muito grande em jejum;
  • Inflamação no intestino causado por doença;
  • Parasitas;
  • Ingestão de objeto;
  • Pancreatite;
  • Complicações hepáticas.

Vômito marrom

Assim como a cor anterior, o vômito em tonalidade marrom também pode ser causado por diversos fatores. Mas saiba que, na grande maioria dos casos essa cor é simplesmente a mesma da ração e significa algum problema simples com o alimento.

Como podemos perceber, o vômito do gato pode ser um indício de muitos outros problemas ou apenas uma simples bola de pelos mal resolvida. Mantenha a escovação do seu gato em dia e fique atente-se aos sintomas que acompanham o vômito. Ah, não vamos cansar de ressaltar a importância da consulta médica especializada para se obter um diagnóstico preciso!

Obrigado por chegar até aqui e não deixe de conferir nosso post com curiosidades incríveis sobre os felinos. Algumas delas vão te surpreender!

Deixe um comentário